Domingo, 18 de Fevereiro de 2007

Um Livro a não Perder

 

«De uma forma ou de outra, e por muito que alguns queiram recusá-lo, foram de todos os Portugueses os dias e os longos anos da guerra colonial — desde 1961 até ao fim de um novo ciclo da nossa história recente: queda da Ditadura, solução política das chamadas lutas de libertação nacional e descolonização dos territórios. À parte um pequeno reduto de opinião que ainda hoje resiste à simples ideia dessas independências, parece notório à inteligência portuguesa que um tal epílogo (tardio, feito ao arrepio de grandes pressões endógenas e exógenas) era há muito inevitável. O caso é que á luz do espírito deste século, durante o qual o mundo se foi mirando num quase permanente desconcerto da condição humana, a conjugação do verbo «descolonizar» entrara definitivamente na gramática dos tempos modernos. Daí que o colonialismo português persistisse para além da sua própria medida: anacrónico, isolado na sua obstinação, submetido apenas à lógica falida da última ditadura ocidental.»
 
Assim começa o texto desta foto biografia da Guerra colonial, da autoria de Renato Monteiro e Luís Farinha (Publicações Dom Quixote, 2ª edição, 1998).
Dando preferência à imagem, este livro transporta-nos até ao mais íntimo dessa guerra, proporcionando com as suas imagens uma visão muito realista dos acontecimentos. Os textos, necessariamente curtos, complementam as imagens e estabelecem a ligação entre os diferentes módulos da obra. E todas as imagens são acompanhadas de legendas esclarecedoras.
Pela sua qualidade e oportunidade, pela facilidade de consulta, pela apresentação gráfica e pelo seu rigor, esta obra tem um especial interesse para as gerações mais novas que pretendam informar-se sobre um período tão difícil e polémico da nossa História.
publicado por Fernando Vouga às 18:06

link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Mário Relvas a 21 de Fevereiro de 2007 às 01:15
O Coronel Comando Barbosa Henriques-O Bomba H, partiu deste mundo, triste pela situação a que isto chegou!


As minhas mais profundas e sentidas condolências á família, aos Comandos e aos Polícias.

Lembro que comandou o CI- Corpo de Intervenção da PSP.

Recordo um episódio em que na margem sul "trabalhadores" encerravam a fábrica onde trabalhava e ele foi lá ter á civil, pois já estava lá uma Meia do CI.

Quando lá chegou foi para frente e como estava á civil enquanto carregava levava também porrada dos seus homens e gritava:-Porra vocês não conhecem o vosso comandante?

Um grande homem que para lá das campanhas africanas, do Regimento de Comandos, prestou um enorme serviço ao País na PSP!

No CI era conhecido como o Zé da Bóina porque usava a bóina encarnada dos Comandos!

Por isso o marchar diferente do CI, semelhante ao dos Comandos.


"Até sempre"

"QUEM NASCEU NÃO MORRERÀ"

Aqui fica o lema do CI interligado ao nosso Comando:
POR MAIORIA DE RAZÃO
A SORTE PROTEGE OS AUDAZES
_________________
"Quem faz do perigo o seu pão
Do sofrimento o seu irmão
E da morte a sua companheira"

A Sorte Protege os Audazes

Mama Sume
cmdrelvas
De Mário Relvas a 21 de Fevereiro de 2007 às 01:18
Quanto ao livro vou colocar este post no jornal dos Coamndos Passa-Palavra com link a este nobre blog!

O F. Farinha ten lá alguns textos!

Abraços

Mário Relvas
De KLATUU o embuçado a 8 de Março de 2007 às 00:41
Não é mau. Vale as fotos.

Comentar post

E.Rec.2640

pesquisar

 

Setembro 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30

Notas recentes

Só pode ser piada

Para quem gosta de ler

A luta armada na Guiné

Para quem gosta de ler

Para quem gosta de ler

A guerra na Guiné

Foi há 48 anos...

Despesa que não morreu

10 de Junho

Mas que golpada!

Arquivos

Setembro 2016

Abril 2016

Janeiro 2016

Novembro 2015

Maio 2015

Abril 2014

Julho 2013

Junho 2013

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Fevereiro 2012

Maio 2010

Março 2010

Janeiro 2010

Outubro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Agosto 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Dezembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Favoritos

Deixem os amigos em paz

Para onde vais, América?

Ligações

Visitas

conter12

E.Rec.2640

blogs SAPO

subscrever feeds