Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

QUANTO MAIS QUENTE MELHOR

QUANTO MAIS QUENTE MELHOR

NUNCA POR CALADOS NOS CONHEÇAM

O livro que faltava

 

 

Esta é a cronologia de um dos períodos mais inquietantes da vida dos portugueses.
São os anos entre 1961 e 1974 nos quais Portugal mergulhou numa guerra para alguns do Ultramar para outros colonial.
São treze anos de ansiedade, sofrimento e morte que atingiram praticamente todas as famílias portuguesas com consequências que ainda perduram.
Guerra que mobilizou mais de 800 mil combatentes da chamada Metrópole enviados para as distantes e desconhecidas matas de África onde alastrava a revolta apoiada por alguns países próximos.
 
José Brandão
 
          Assim começa esta obra notável e de grande envergadura que, de uma forma sistemática, nos refere os acontecimentos mais relevantes, quer da guerra em si, como da envolvente política interna e externa, que a influenciaram. Para além desses acontecimentos, são mencionados por ordem cronológica, todos os militares que morreram, tanto em combate, como por outras causas.
          Livro de consulta imprescindível para todos os que viveram a guerra ou por ela se interessem.
          Ao seu autor, José Brandão, as minhas mais calorosas felicitações.

5 comentários

Comentar post