Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

QUANTO MAIS QUENTE MELHOR

QUANTO MAIS QUENTE MELHOR

NUNCA POR CALADOS NOS CONHEÇAM

Restaurante "A TRANSMONTANA"

Antigas instalações do restaurante

   Foto retirada do Sítio "Fotos da Guiné"

 

          Em bafatá havia vários restaurantes, quase sempre cheios de militares que aproveitavam a sua passagem por esta cidade para comerem algo mais agradável que o rancho do quartel.

          Aqui servia-se, para além de outros petiscos, o famoso "Bife à Botas", um naco de boa e tenra carne de vaca com mais de três centímetros de espessura. Para acompanhar, e porque o calor apertava a sério, bebia-se cerveja. Os mais abonados garalmente preferiam um "Branco Seco Especial" bem gelado. E as gargantas agradeciam...

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Fernando Vouga 29.05.2006 22:13

    Obrigado pelo comentário. Já não me lembrava do bacalhau. Já lá vão tantos anos...
    Havia na rua que descia da igreja para o mercado outro restaurante de que não me recordo o nome.
    Servia camarões do rio Colufe, do tamanho de lagostins e com uma cabeça enorme. Eram cortados longitudinalmente e fritos em manteiga. Receita minha que aprendi em Moçambique.
    O nome do petisco era, como não podia deixar de ser, "Camarões à 2640".
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.